hard e soft skills

Conheça as diferenças entre hard e soft skills!

Você sabe diferenciar hard skills de soft skills? Ambos os termos se referem a habilidades diferenciais no ambiente de trabalho, mas cada um está ligado a elementos diferentes. Para otimizar sua empresa, entretanto, é fundamental saber reconhecer e trabalhar com essas duas modalidades. Por isso, decidimos ajudar!

Apresentaremos, a seguir, as hard e soft skills e algumas dicas para desenvolvê-los em seus colaboradores. Confira!

O que são hard e soft skills?

As hard skills são habilidades técnicas, que podem ser facilmente mensuradas e quantificadas. São aquelas que aprendemos na escola, em cursos e no próprio ambiente de trabalho. Já as soft skills são características subjetivas de uma pessoa, ou suas habilidades comportamentais. São aquelas ligadas à personalidade, aos valores e às crenças de cada indivíduo.

Ambas as modalidades exercem influência sobre o trabalho. As hard skills vão corresponder, por exemplo, à capacidade objetiva de desenvolver as atividades, enquanto as soft skills permeiam as relações interpessoais, a forma de perceber a profissão e a maneira como ela é desempenhada. Assim, observa-se que ambos os fatores são importantes e devem ser desenvolvidos pelas empresas. Isso nos leva ao nosso próximo tópico!

Como desenvolver as soft skills e as hard skills em seus colaboradores?

Mesmo que apresentem diferenças, é possível citar dicas em comum para desenvolver as hard skills e as soft skills de seus colaboradores.

Faça um mapeamento

Em primeiro lugar, é preciso conhecer as hard skills e soft skills de seus profissionais. Só assim você saberá quais estão bem desenvolvidas e quais devem ser estimuladas ou agregadas. Para fazer essa análise, é possível contar com diversas ferramentas e metodologias. Livros, pesquisas e sistemas de gestão de pessoas são alguns exemplos, sendo necessário identificar as melhores opções. Com esse mapeamento, você terá uma maior clareza sobre as direções a serem seguidas.

Powered by Rock Convert

Ofereça treinamentos e capacitações

À primeira vista, pode parecer que essa dica vale, principalmente, para as hard skills. No entanto, as soft skills também podem receber o apoio de treinamentos e capacitações para se desenvolverem. É preciso, apenas, encontrar as metodologias certas e ser paciente. Entenda que, em ambos os casos, os colaboradores terão o seu próprio tempo para aprender o necessário e começar a colocar em prática. Incentive-os e motive-os, sem pressioná-los. Assim, as capacitações serão mais efetivas.

Proporcione um bom ambiente corporativo

O ambiente corporativo, a cultura empresarial e o clima organizacional também interferem no desenvolvimento dessas habilidades. Crie um ambiente que estimule a boa convivência, valorize seus colaboradores ajude-os a atingirem seus objetivos. Saber dar feedbacks e construir uma boa comunicação também interfere nesse processo. Em um local de trabalho positivo, os profissionais se sentem mais motivados a desenvolver suas hard skills e soft skills.

Aplique avaliações de desempenho

A avaliação de desempenho é uma grande ajuda para conhecer ainda mais as habilidades de seus colaboradores e acompanhar os resultados de seus investimentos. Aplique-a, por exemplo, antes de oferecer certo treinamento, assim como posteriormente. Assim, você perceberá se foi realmente efetivo. É importante também realizar avaliações de desempenho de forma periódica.

Incentive o autoconhecimento

O autoconhecimento faz toda a diferença para desenvolver as soft skills e as hard skills. Com ele, seus próprios colaboradores começam a identificar as melhores formas de trabalhar e o que funciona melhor para cada um. Portanto, incentivar esse processo é muito importante para sua empresa.

Estimule os profissionais a procurar serviços e ferramentas de qualidade que os auxiliem nessa autodescoberta, e conscientize-os sobre como isso pode ser bom. Lembre-os, também, que isso vem com o tempo e é preciso ter calma, mas os colaboradores podem adquirir muitos ganhos profissionais e pessoais nessa jornada.

Para finalizar, vale citar alguns exemplos de soft skills, muito visados ultimamente no mercado. Estão inclusas características como a atitude, a comunicação e a liderança.

Esperamos ter ajudado a compreender as hard e soft skills! Para otimizá-las ainda mais, venha entender agora a importância da qualidade de vida em uma organização.

Powered by Rock Convert

Inscreve-se para receber nossas novidades!

Receba conteúdos exclusivos gratuitamente no seu e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.