saúde ocupacional

Saúde ocupacional: entenda o que é e qual a sua importância

A Organização Mundial da Saúde (OMS) define a saúde ocupacional como uma atividade multidisciplinar que promove e protege a saúde dos trabalhadores. Esta disciplina procura controlar acidentes e doenças, organizando e monitorando as condições e ambientes de trabalho, a fim de reduzir riscos.

Neste artigo, falaremos um pouco sobre os objetivos e a importância de investir em saúde ocupacional, destacando as principais medidas que podem ser usadas nas empresas. Acompanhe!

Quais os objetivos da saúde ocupacional?

Os problemas mais comuns com os quais a saúde ocupacional deve lidar são fraturas, cortes e distensões. Devido a acidentes ocupacionais, distúrbios de movimento repetitivos, problemas de visão ou audição e doenças causadas pela exposição a substâncias não higiênicas ou radioativas, por exemplo.

O fundamental na saúde ocupacional é garantir um alto grau de bem-estar mental, social e físico aos trabalhadores. Além de prevenir todos os tipos de acidentes e imprevistos, assegurar um local de trabalho sem elementos prejudiciais para a sua saúde e garantir a segurança do emprego, desde que o trabalhador cumpra os requisitos que lhe são confiados.

Ela também deve cuidar da saúde psicológica dos colaboradores, tratando e evitando problemas causados por stress na execução de tarefas o ou pelas relações de trabalho. Um bom programa de saúde ocupacional é essencial para garantir a qualidade de vida do trabalhador.

Quais as principais medidas de saúde ocupacional?

No momento da entrada em um novo emprego, os profissionais são submetidos a um exame médico, por meio do qual é estabelecido quais são as suas condições físicas e mentais no momento da contratação.

Uma vez contratado, o teste deve repetido regularmente e, se houver alguma anormalidade na saúde do indivíduo que possa estar relacionada ao trabalho, a saúde ocupacional é responsável por ajudar.

Powered by Rock Convert

O cuidado e manutenção da saúde dos colaboradores é possível, por meio de medidas importantes que todas as organizações devem observar. Veremos algumas abaixo:

SIPAT

A Semana Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho (SIPAT) é um evento realizado pela CIPA da empresa, com o intuito de educar e conscientizar os colaboradores sobre a importância do uso dos equipamentos de proteção e outras medidas de segurança adotadas pela empresa. Ela deve ser realizada, obrigatoriamente, pelo menos uma vez no ano.

Ergonomia

Profissionais que trabalham muito tempo sentados, carregam muito peso ou fazem muitos movimentos repetitivos correm o risco de desenvolverem doenças de natureza ergonômica. Por isso, o ambiente de trabalho deve ser projetado de acordo com a norma regulamentadora de cada profissão, para que o colaborador trabalhe confortavelmente e tenha uma boa produtividade.

Programa de alimentação saudável

Muitas doenças crônicas são causadas por uma má alimentação. Por isso, as empresas implementam esse programa com o objetivo de propagar bons hábitos alimentares entre os colaboradores. Assim, a empresa age preventivamente, reduzindo gastos com planos de saúde e mantendo seus colaboradores mais saudáveis.

Ginástica laboral

Atividade física é sinônimo de saúde, 15 minutos de ginástica antes, ou nos intervalos do trabalho deixa o profissional mais relaxando e motivado, além de fortalecer a musculatura do corpo, ativar a circulação sanguínea e ajudar a evitar doenças ergonômicas.

Porque investir em saúde ocupacional?

Investir em saúde ocupacional traz grandes benefícios para a empresa. Tanto para o negócio, quanto para a qualidade de vida dos colaboradores. Veremos alguns deles abaixo:

  • aumento da produtividade e rentabilidade nos negócios;
  • redução do absenteísmo;
  • melhorias não só na saúde, mas também no bem-estar e satisfação dos colaboradores;
  • incentivo da lealdade entre o trabalhador e sua empresa, evitando a rotatividade e retendo os talentos;
  • melhorias no ambiente de trabalho e na motivação das equipes;
  • melhoria da imagem corporativa interna e externa da empresa.

A saúde ocupacional deve ser levada a sério, tanto pelas organizações, quanto pelos colaboradores. A sociedade como um todo se beneficia de uma redução nos custos sociais, de saúde e previdência social, bem como na compensação por acidentes quando a empresa cuida bem da saúde do seu capital humano.

Viu como é importante cuidar da saúde dos colaboradores na sua empresa? Continue a se manter bem informado com excelentes conteúdos. Curta nossa página no Facebook!

Powered by Rock Convert

Inscreve-se para receber nossas novidades!

Receba conteúdos exclusivos gratuitamente no seu e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.